Tamanho do texto

O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, alertou hoje para a importância de as regras prudenciais serem seguidas pelas instituições financeiras, nesta fase de crescimento do crédito imobiliário e também de forma geral. Por meio de videoconferência, durante a 2ª Conferência Internacional de Crédito Imobiliário, Meirelles disse que é preciso cuidar para que não sejam criados mecanismos artificiais de financiamento, diante do desafio do setor de avançar em opções alternativas à poupança para o financiamento do setor imobiliário.

"O BC está atento e sempre trabalhará em normas prudenciais. Mas é importante que as pessoas, agentes, estejam bastante alertas. A experiência mostra que problemas surgem na euforia", disse Meirelles, explicando que as dificuldades surgem da falsa percepção de que, durante o crescimento, não há riscos. "Em períodos de crescimento é particularmente importante que as normas para concessão de crédito sejam seguidas", acrescentou.

Meirelles afirmou que, depois da crise do ano passado, a regulação bancária no Brasil é considerada um modelo no mundo. Ele lembrou que, por muito tempo, a legislação do País foi apontada como um problema que prejudicava a criatividade do sistema financeiro. Segundo ele, um sistema financeiro saudável favorece o crédito imobiliário, pois reforça a previsibilidade de longo prazo na economia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.