Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Para Jank, conferência esclareceu países desenvolvidos sobre etanol

São Paulo, 21 - O presidente da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (Unica), Marcos Jank, disse que a Conferência Internacional sobre Biocombustíveis permitiu que os países desenvolvidos tivessem acesso a informações sobre a produção de etanol no Brasil. Segundo ele, estes países estão acostumados a serem bombardeados com notícias negativas sobre os biocombustíveis e a conferência pode ter alterado este cenário.

Agência Estado |

"Daqui para frente, o debate sobre energia renovável será feito com maior consciência por parte de como funciona este sistema produtivo", disse. Durante a semana, várias representações internacionais visitaram usinas e tiveram a oportunidade de ver como o etanol de cana é produzido.

Jank entregou, durante a cerimônia, o "Mapa da Cana-de-Açúcar", produzido pela entidade para mostrar em detalhes a produção de açúcar e etanol no Brasil. Segundo Jank, o mapa conta com a localização das 380 usinas existentes no país, além de dados globais da produção e exportação de etanol. Os dados das exportações de etanol são especificados por porto. O mapa foi distribuído durante a conferência.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG