Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Para governo, BC deverá controlar operações com derivativos-fonte

Por Natuza Nery BRASÍLIA (Reuters) - O Palácio do Planalto quer que o Banco Central exerça maior fiscalização sobre as operações de alto risco com o câmbio, disse um ministro à Reuters nesta segunda-feira.

Reuters |

Na avaliação do Palácio do Planalto, será preciso encontrar meios de controlar a atuação dos nas operações de derivativos.

"É preciso criar um mecanismo de controle para que as operações de seguro não se transformem em operações de lança-chamas", afirmou o auxiliar do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sem dar detalhes.

Sadia, Aracruz e o Grupo Votorantim anunciaram perdas enormes com apostas na manutenção do dólar em patamares baixos. Há uma estimativa de que as perdas com essas operações por empresas brasileiras tenha sido de cerca de 20 bilhões de dólares, mas não há números oficiais.

"Os bancos de investimentos estavam oferecendo muito esses derivativos. É uma coisa que se terá que colocar um freio", acrescentou o ministro.

Sem adiantar medidas específicas, o ministro avaliou que as operações com o câmbio excederam, e muito, a tradicional proteção procurada por empresas para reduzir o impacto de flutuações na moeda.

"Nós fomos surpreendidos (com essas operações), nós e o conselho administrativo das empresas. Nós não contávamos com isso", acrescentou.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG