RIO - O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, alertou que a crise internacional pode se estender por cerca de dois anos, embora acredite que o dinamismo econômico da Ásia vá minimizar os efeitos da crise.

A recessão não será profunda, embora razoavelmente longa, de cerca de dois anos , disse Coutinho, que participou hoje da abertura do Fórum Especial, promovido pelo Instituo Nacional de Altos Estudos (INAE).

O executivo afirmou ainda que a Ásia, especialmente a China, fornecerá as condições para a retomada do crescimento global. Coutinho acrescentou que, apesar da crise internacional, a economia brasileira tem condições de sustentar um crescimento robusto.

(Rafael Rosas | Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.