Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Para BCE, plano de ajuda à Grécia deve sair logo

SÃO PAULO - O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, afirmou que as negociações sobre o plano de ajuda da Grécia pelos países europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) deverão ser concluídas rapidamente. "Eles estão trabalhando duramente e também muito rapidamente, e eu estou muito confiante", afirmou hoje a autoridade em entrevista ao Wall Street Journal.

Valor Online |

SÃO PAULO - O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, afirmou que as negociações sobre o plano de ajuda da Grécia pelos países europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) deverão ser concluídas rapidamente. "Eles estão trabalhando duramente e também muito rapidamente, e eu estou muito confiante", afirmou hoje a autoridade em entrevista ao Wall Street Journal. Na semana passada, a agência Moody''''''''''''''''s anunciou o rebaixamento da nota de crédito da Grécia. Além disso, a agência de estatísticas Eurostat revisou o déficit orçamentário grego, de 12,9% para 13,6% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2009. O resultado destas notícias veio com a aceitação, por parte da Europa, de colocar à disposição da Grécia 30 bilhões de euros em empréstimos bilaterais e o FMI aceitou aportar de 10 bilhões de euros a 15 bilhões de euros. Sobre o sistema financeiro mundial, em um discurso à parte, no Conselho de Relações Externas, Trichet disse que há uma boa compreensão entre os diferentes governos de que reformas regulatórias financeiras são necessárias. Para ele, as autoridades americanas entendem importância da aplicação de novas regras para o setor. Trichet reforçou ainda que as taxas de juros do Banco Central Europeu são apropriadas para o momento e que as expectativas de inflação estão bem ancoradas na Europa. (Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG