Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Palocci quer votar reforma tributária durante jogo do Brasil

O presidente da Comissão Especial da reforma tributária, deputado Antônio Palocci (PT-SP), disse que quer votar a proposta ainda na noite desta quarta-feira, apesar do jogo da seleção brasileira de futebol.

Severino Motta - Último Segundo/Santafé Idéias |

A apreciação da matéria, que acontecia na tarde desta quarta-feira, foi interrompida porque o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), iniciou a ordem do dia, o que impede a votação em qualquer uma das comissões da Casa. "Será uma longa noite, vão até sobrar uns ingressos para o jogo da seleção", ironizou.

Durante a ordem do dia os integrantes da Comissão Especial vão poder analisar as últimas alterações à proposta original feitas pelo relator da matéria, deputado Sandro Mabel (PR-GO).

Caso seja aprovada na comissão, a matéria segue para o plenário da Câmara, onde precisa ser votada antes de ir para nova apreciação no Senado. Somente após a tramitação a reforma tributária pode ser sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Pontos

A reforma tributária cria um imposto único federal, o chamado IVA-F, transfere a cobrança do ICMS da origem para o destino e acaba com a guerra fiscal criando uma alíquota única para este imposto, que será aplicada gradualmente.

Leia mais sobre reforma tributária

Leia tudo sobre: reforma tributária

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG