Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Países sul-americanos tentam elaborar minuta para criação do Banco do Sul

Caracas, 10 nov (EFE) - Representantes de sete países sul-americanos se reuniram hoje em Caracas para tentar elaborar a minuta do que será a ata de nascimento do Banco do Sul, indicaram fontes oficiais.

EFE |

"Assim que tivermos este documento, que representa o nascimento formal do Banco, será levado às autoridades de cada país para que façam as considerações respectivas", disse Eudomar Tovar, representante da Venezuela na reunião.

Tovar, secretário da Comissão Presidencial para a Elaboração do Projeto Constitutivo do Banco do Sul, acrescentou que definir esse documento permitirá "construir o mais rápido possível este projeto de máximo interesse para a região e os membros da União de Nações Sul-americanas (Unasul)".

Assistiram à reunião, a décima realizada com esse objetivo, delegados de Brasil, Argentina, Bolívia, Equador, Paraguai e Uruguai.

Tovar lembrou que o capital autorizado do Banco do Sul será de US$ 20 bilhões e que as contribuições serão proporcionais ao tamanho da economia de cada país.

Além disso, ressaltou que, graças ao banco, "os Estados da região não terão que buscar recursos no exterior, pois poderão canalizar suas reservas para projetos de investimento, e, desta forma, a vulnerabilidade financeira será menor".

O Banco do Sul é uma velha proposta do presidente venezuelano, Hugo Chávez, que se tornou oficial em 21 de fevereiro de 2007, quando assinou, com o líder argentino Néstor Kirchner, o memorando para sua implementação. EFE rr/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG