Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

País tem saída de US$ 1,2 bilhão até o dia 5 de março

BRASÍLIA - O fluxo cambial nas instituições financeiras registrava remessas líquidas no valor de US$ 1,205 bilhão na primeira semana de março, aprofundando o resultado negativo verificado em fevereiro de US$ 399 milhões, informou o Banco Central (BC). Com isso, no ano, o saldo passou a contabilizar saída líquida de US$ 530 milhões. Verifica-se um aumento na contratação de importações, e também remessas mais fortes em pagamento a compromissos na área financeira.

Valor Online |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237561632475&_c_=MiGComponente_C

Entre 1º e 5 de março, as operações de comércio exterior tiveram saldo negativo de US$ 297 milhões. Decorrente de contratos para exportação da ordem de US$ 2,483 bilhões, ante US$ 2,781 bilhões nas importações.

A contratação de moeda estrangeira nas operações cambiais financeiras ficou com resultado negativo de US$ 908 milhões.

Os ingressos nas várias modalidades de captação externa somaram US$ 3,986 bilhões. Enquanto as remessas em pagamentos de compromissos no exterior totalizaram US$ 4,895 bilhões no mesmo período.

Leia mais sobre câmbio

Leia tudo sobre: câmbiofluxo cambial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG