Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

País pode crescer só 0,5%, diz ONU

A economia brasileira pode crescer somente 0,5% no próximo ano em um cenário pessimista para a economia mundial, segundo aponta um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) divulgado ontem em Doha, no Catar. Num cenário otimista, o crescimento brasileiro seria de 3% em 2009, segundo o relatório.

Agência Estado |

Na semana passada, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, reviu a previsão de crescimento da economia brasileira para o ano que vem de 6% para 4%.

A ONU adverte que a economia mundial pode enfrentar sua pior queda desde a Grande Depressão dos anos 1930, com uma contração de 0,4% no PIB mundial em 2009 dentro do cenário mais pessimista. A previsão da ONU para o cenário pessimista contrasta com a do Fundo Monetário Internacional (FMI), que ainda prevê um crescimento global no próximo ano, apesar de uma contração prevista nas principais economias desenvolvidas.

O relatório da ONU com suas previsões econômicas, normalmente publicado em janeiro, foi antecipado neste ano para coincidir com a Conferência da ONU sobre Financiamento e Desenvolvimento, que termina hoje Doha. O cenário pessimista traçado pela ONU prevê a manutenção da turbulência nos mercados financeiros mundiais e um declínio ainda maior na concessão de empréstimos nos países desenvolvidos, além de uma crise de confiança prolongada na economia global.

As previsões do relatório também se baseiam em dois outros cenários. No cenário básico, os mercados financeiros voltam à normalidade em um prazo de até nove meses e os países desenvolvidos anunciam novos pacotes de estímulo à economia.

No cenário otimista, além das condições descritas no cenário básico haveria também uma coordenação na aplicação de pacotes de estímulo econômico de entre 1,5% e 2% do PIB e novos cortes de taxas de juros.

No cenário básico, a economia mundial teria um crescimento de 1% no ano que vem, segundo o relatório, e de 1,6% no cenário otimista. Em 2007, a economia mundial teve um crescimento de 3,8%, enquanto a previsão para 2008 é de um crescimento de 2,5%.

O relatório da ONU prevê ainda que no cenário pessimista as economias dos países desenvolvidos podem cair 1,5% no ano que vem, com uma queda de 1,9% no PIB dos Estados Unidos, 1,5% na zona do euro e 0,6% no Japão. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG