Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Outra empresa fecha e demite na China

A crise econômica mundial levou outra fábrica no sul da China a fechar suas portas e anunciar a demissão de seus 1.500 funcionários.

Agência Estado |

Com a produção destinada totalmente ao mercado externo, a fabricante de aparelhos domésticos BEP viu suas vendas caírem de maneira dramática desde o início deste ano, em razão da retração da demanda nos Estados Unidos e na Europa.

Na semana passada, duas fábricas de brinquedos também já haviam deixado de funcionar no sul da China, deixando 6.500 pessoas sem emprego. Desde o início do ano, milhares de pequenos e médios exportadores da área conhecida como Vale do Rio das Pérolas foram à falência, abatidos pela desaceleração global e um ambiente doméstico hostil.

A valorização do yuan em relação ao dólar encareceu o preço das exportações chinesas e a alta da inflação forçou o governo a aumentar os juros e a reduzir o crédito.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG