Tamanho do texto

As ações da OffShore Services X (OSX), futuro estaleiro a ser instalado em Santa Catarina pelo grupo EBX do empresário Eike Batista, estreiam com baixa na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237562644621&_c_=MiGComponente_C

Por volta das 16h10, o papel diminuía 12,75%, a R$ 698.

Cada papel teve seu preço fixado em R$ 800. Por se tratar de projeto pré-operacional, apenas investidores qualificados, ou seja, aqueles com mais de R$ 300 mil em investimentos, puderam participar da oferta. Os papéis também são negociados apenas no lote padrão de 100 ações.

A esse preço, a venda inicial de 3,063 milhões de ações ordinárias resultou na captação de R$ 2,13 bilhões para o caixa da companhia. No entanto, já está registrado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o lote suplementar de 15%, o que eleva o valor para R$ 2,45 bilhões.

Vale lembrar que a ideia inicial de Eike Batista era levantar no mínimo R$ 5,5 bilhões e, na melhor das hipóteses, até R$ 9,92 bilhões. No entanto, a empresa teve que reduzir suas pretensões. Na terça-feira da semana passada, a OSX e os coordenadores publicaram comunicado reduzindo o tamanho da oferta inicial de 5.511.739 ações para 3,063 milhões de ações e cortaram o preço estimado de R$ 1.000 e R$ 1333,33 para os R$ 800 atuais.

O elevado preço estaria entre as razões para a redução da oferta. O gigantismo dos negócios do empresário Eike Batista também teria pesado negativa para o sucesso da abertura de capital da OSX, conforme apurou o jornal Valor em matéria publicada na semana passada.

Cabe lembrar que o mês de março ainda reserva as ofertas de ações da Ecorodovias, que abre o período hoje, Gafisa, que fecha hoje seu período de reserva, e Hypermarcas.

Leia mais sobre: ações

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.