SYDNEY, 19 de abril (Reuters) - O órgão que regula a competição na Austrália espera decidir sobre a proposta de uma joint-venture no setor de minério de ferro entre Rio Tinto e BHP Billiton até o final de maio, disse o chefe do órgão regulador na terça-feira (horário local).

A Australian Competition and Consumer Commission, que começou a analisar o caso em dezembro, havia informado inicialmente que entregaria sua decisão em fevereiro, mas demonstrou preocupações em março sobre o plano da segunda e da terceira maiores produtoras de minério de ferro do mundo.

" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Órgão regulador decidirá sobre joint venture Rio-BHP em maio

SYDNEY, 19 de abril (Reuters) - O órgão que regula a competição na Austrália espera decidir sobre a proposta de uma joint-venture no setor de minério de ferro entre Rio Tinto e BHP Billiton até o final de maio, disse o chefe do órgão regulador na terça-feira (horário local).

A Australian Competition and Consumer Commission, que começou a analisar o caso em dezembro, havia informado inicialmente que entregaria sua decisão em fevereiro, mas demonstrou preocupações em março sobre o plano da segunda e da terceira maiores produtoras de minério de ferro do mundo.

Reuters |

SYDNEY, 19 de abril (Reuters) - O órgão que regula a competição na Austrália espera decidir sobre a proposta de uma joint-venture no setor de minério de ferro entre Rio Tinto e BHP Billiton até o final de maio, disse o chefe do órgão regulador na terça-feira (horário local).

A Australian Competition and Consumer Commission, que começou a analisar o caso em dezembro, havia informado inicialmente que entregaria sua decisão em fevereiro, mas demonstrou preocupações em março sobre o plano da segunda e da terceira maiores produtoras de minério de ferro do mundo.

Na ocasião, o organismo pediu comentários sobre se a Rio e a BHP seriam capazes de controlar conjuntamente o fornecimento de minério de ferro ou se a joint-venture seria capaz de coordenar os fornecimentos com a maior produtora mundial do minério, a brasileira Vale.

(Reportagem de Narayanan Somasundaram)

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG