Frankfurt (Alemanha), 11 nov (EFE).- O fabricante automobilístico Opel solicitou ao Governo alemão que permita que tenha acesso a um empréstimo de 40 bilhões de euros (US$ 50,8 bilhões) do Banco de Investimento Europeu.

Segundo o jornal "Frankfurter Allgemeine Zeitung" informa em sua edição de hoje, a gerência e o comitê de empresa de Opel pediram ajuda à chanceler alemã, Angela Merkel, em carta.

Além disso, o programa de ajuda prevê bônus por desmantelamento para veículos velhos, assim como créditos de consumo a taxa de juros favorável para comprar novos automóveis.

Os Governos italiano e francês adotaram medidas semelhantes no ano passado, acrescenta o jornal alemão. EFE aia/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.