Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

ONU pede mais doações para enfrentar crises globais

As doações humanitárias aumentaram este ano, mas ainda não cobrem os 3,4 bilhões de dólares necessários para se enfrentar os problemas de alimentação, conflitos e desastres naturais por todo o planeta, disse a ONU nesta quarta-feira.

AFP |

A crise alimentar, por si só, forçou o escritório de coordenação de assuntos humanitários da ONU a acrescentar, apenas nos últimos seis meses, 700 milhões de dólares ao seu orçamento, o que equivale a 37% do total.

"Os preços mais altos dos alimentos e dos combustíveis, um número crescente de pessoas com necessidades alimentares e o impacto da mudança climática estão gerando maiores pedidos de fundos", disse à imprensa o chefe do escritório humanitário, John Holmes.

O funcionário comemorou ter no momento 46% das necessidades de financiamento para 2008 atendidas, contra apenas 43% em todo o ano de 2007.

"Apesar da difícil situação econômica global, seguimos recorrendo à generosidade dos contribuintes tradicionais e não posso pensar em melhor momento para que novos doadores se manifestem para ajudar o crescente número de necessitados".

Desde janeiro, os pedidos humanitários ao escritório da ONU aumentaram em 1,1 bilhão de dólares. As maiores necessidades envolvem Somália, República Democrática do Congo, Sudão, Myanmar e Zimbábue.

ga/LR

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG