Genebra, 29 jul (EFE).- As negociações entre as sete potências comerciais para tentar salvar a Rodada de Doha estão em um momento muito tenso, reconheceu hoje o porta-voz da Organização Mundial do Comércio (OMC), Keith Rockwell.

Austrália, Brasil, China, Estados Unidos, Índia, Japão e União Européia mantêm reuniões há doze horas, mas as desavenças, longe de se resolverem, se intensificam, conforme revelaram distintas fontes que participam da negociação.

A agricultura, um capítulo que há apenas dois dias parecia fechado, voltou a aparecer como o principal obstáculo para alcançar um acordo na Rodada de Doha, destinada a aprofundar a liberalização do comércio internacional. EFE is/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.