A atual crise financeira poderá levar a um aumento de 20 milhões no número de desempregados no mundo até o fim de 2009 para 210 milhões de pessoas sem emprego, alertou hoje o diretor-geral da Organização Internacional do Trabalho (OIT), Juan Somavia. O número de desempregados poderá subir de 190 milhões em 2007 para 210 milhões ao fim de 2009, observou Somavia, acrescentando que o número poderá subir se a crise provocar forte impacto na economia real global.

As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.