Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Oi: lucro deve cair 32,3% no 3ºtri08, a R$ 431,1 mi, para analistas

A Oi deve registrar lucro líquido de R$ 431,10 milhões no terceiro trimestre de 2008, no balanço que será divulgado hoje, após o fechamento dos mercados. Caso confirmado, o resultado representará uma queda de 32,3% sobre os R$ 636,8 milhões de igual período de 2007.

Agência Estado |

A previsão é de quatro instituições consultadas pela Agência Estado: Ativa, Unibanco, Brascan e uma última casa que preferiu não ser identificada.

Para a geração de caixa medida pelo Ebitda, as corretoras esperam média R$ 1,680 bilhão, com queda de 11,94% sobre o R$ 1,908 bilhão do mesmo período de 2007. A margem Ebitda esperada pelos analistas vai do piso de 34,70% ao teto de 35,40%. No terceiro trimestre do ano passado, a margem foi bem maior, de 43%. Essa diferença deve-se a uma estratégia comercial mais agressiva para adicionar base clientes de telefonia celular e banda larga.

A média para a receita líquida do terceiro trimestre é de R$ 4,798 bilhões, alta de 8,13% sobre os R$ 4,437 bilhões reportados um ano antes. Na avaliação dos analistas setoriais, a empresa deve compensar a perda de clientes na telefonia fixa tradicional com os pontos de banda larga e telefonia celular. Mas a receita com telefonia fixa, por outro lado, será encorpada pelo reajuste de tarifas.

No geral, o mercado não aguarda pressões significativas por conta do câmbio. Para a corretora Ativa, apesar de o grupo Oi ter elevado seu endividamento ao longo do terceiro trimestre, tendo alguma exposição cambial (5% da dívida total em junho de 2008), não é de se esperar que a concessionária registre perdas significativas com a alta do dólar.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG