Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

OGX vai afretar unidade de perfuração de poços da Queiroz Galvão

SÃO PAULO - A OGX, empresa de petróleo do empresário Eike Batista, começa a sair do papel. A companhia informou hoje que firmou acordo para afretar uma unidade de perfuração semi-submersível da Queiroz Galvão Óleo e Gás. O contrato prevê o arrendamento da plataforma por três anos, período que poderá ser prorrogado por outros dois anos. A unidade será operada própria Queiroz Galvão.

Valor Online |

Segundo comunicado da OGX, a plataforma, chamada de Alaskan Star, tem capacidade para perfurar poços de até 6.500 metros de profundidade, em lâmina d`água máxima de até 510 metros. A unidade realiza serviços perfuração e manutenção de poços nas bacias de Campos e de Santos desde 1991.

Ainda de acordo com o documento divulgado, a OGX diz que está em fase avançada de negociação para a contratação de outras unidades de perfuração. A empresa mantém a previsão de iniciar a exploração de petróleo no segundo semestre de 2009.

Ainda sem histórico operacional, a OGX arrematou 21 blocos exploratórios na costa brasileira em quatro diferentes bacias (Campos, Santos, Espírito Santo e Pará-Maranhão) durante a nona rodada de licitações feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), em novembro do ano passado. A OGX irá operar 14 desses blocos, sendo as sete concessões remanescentes operadas pelos parceiros Maersk e Perenco.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG