Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Odebrecht mostra otimismo sobre negociação com Equador

São Paulo, 24 set (EFE).- A construtora brasileira Odebrecht afirmou hoje que quer cumprir suas obrigações com o Governo equatoriano e se mostrou esperançosa sobre uma solução negociada para o conflito com as autoridades do Equador.

EFE |

"Esperamos que a razão, o equilíbrio e principalmente a justiça prevaleçam (...) para que a Odebrecht possa cumprir com suas obrigações e continuar contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do Equador", assinalou a empresa em comunicado.

No texto, a empresa argumenta que a usina foi afetada pela erupção do vulcão Tungurahua, que gerou um "aumento significativo de sedimentos" no rio Pastaza, eventualidade que não foi levada em conta no projeto de engenharia que, segundo a companhia, é "responsabilidade do Governo equatoriano".

"Independentemente de qualquer esclarecimento de causas ou responsabilidades, o consórcio, liderado pela Odebrecht, imediatamente assumiu os trabalhos de reparação", diz a nota.

Segundo a empresa, "as perdas causadas pelos três meses de paralisação são inferiores aos lucros obtidos pelos nove meses de antecipação do prazo de construção", que calculou em mais de US$ 43 milhões para o Estado equatoriano. EFE joc/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG