Tamanho do texto

O atual vice-presidente norte-americano Dick Cheney disse que ficará nas mãos da nova administração de Barack Obama a solução para a crise na indústria automotiva norte-americana. Segundo ele, é um problema difícil e o presidente George W.

Bush tem feito o melhor que pode para administrar a situação. Cheney acredita que o plano de resgate de emergência de US$ 17,4 bilhões em empréstimos ofertado por Bush na sexta-feira terá efeito apenas no curto prazo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.