Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Obama pede mudanças no plano de resgate financeiro dos EUA

O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu mudanças no plano governamental de resgate financeiro de 700 bilhões de dólares, alegando em uma entrevista transmitida neste domingo que queria que o programa oferecesse ajuda direta aos proprietários de casas e pequenos empresários.

AFP |

"Eu, como muitos, estou decepcionado pela forma como se desenvolveu todo o processo de aprovação do plano de resgate", disse Obama no programa "This Week" do canal ABC.

"Não houve supervisão suficiente", destacou. "Esta semana descobrimos em um documento que não estamos fazendo um acompanhamento de para onde está indo o dinheiro", continuou.

Obama, que assumirá o poder em 20 de janeiro, foi evasivo ao responder a uma pergunta sobre se queria que o presidente atual, George W. Bush, solicitasse autorização ao Congresso para usar a segunda metade dos fundos do plano de resgate.

Ele destacou que o plano financeiro, no entanto, precisa ser revisado para dar maior assistência às famílias que enfrentam a penhora de suas casas e fortalecer o crédito aos pequenos empresários.

"Se você analisa a maneira como estamos administrando as penhoras das casas e se fizemos o suficiente para ajudar as famílias que talvez tenham perdido suas casas porque perderam seus empregos ou porque ficaram doentes, acredito que não fizemos o suficiente", disse.

Leia mais sobre: Barack Obama

Leia tudo sobre: barack obama

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG