O presidente dos EUA, Barack Obama, afirmou que as montadoras norte-americanas devem receber auxílio do governo, mas acrescentou que os recursos exigirão como contrapartida algumas mudanças drásticas no setor. Nós ofereceremos alguma ajuda, disse Obama, durante uma sessão interativa de perguntas na Casa Branca.

"Eu sei que não é popular auxiliar os funcionários ou as empresas do setor automotivo, mas meu trabalho é pesar qual o custo de permitir o colapso destas empresas em relação a nós descobrirmos se elas podem bolar um plano viável."

"Se elas não estiverem dispostas a realizar as mudanças, eu não estarei propenso a colocar dinheiro dos contribuintes num mau negócio, então muita coisa vai depender da disposição delas para fazer algumas mudanças drásticas", disse Obama.

O presidente norte-americano disse que divulgaria detalhes a respeito de seu posicionamento sobre as montadoras nos próximos dias. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.