Washington, 2 fev (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou hoje que as diferenças que separam republicanos e democratas para aprovar o plano de estímulo econômico são muito modestas e não devem impedir que a medida seja aprovada.

Em declarações no Salão Oval durante uma reunião sobre o plano de estímulo com o governador de Vermont, Jim Douglas, Obama expressou sua esperança de que o projeto de lei, de US$ 819 bilhões, fique aprovado "em duas semanas". EFE mv/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.