Tamanho do texto

WASHINGTON - Instituições financeiras que representem um sério risco aos mercados deveriam ser sujeitas a uma rigorosa supervisão governamental, afirmou o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nesta quarta-feira.

Após reunir-se com o secretário do Tesouro, Timothy Geithner, e parlamentares para tratar da reforma da regulação do sistema financeiro, Obama também disse: "Mas deixem que eu seja claro: a escolha que enfrentamos não é entre uma economia opressiva dirigida pelo governo e um capitalismo caótico e implacável".

"Ao contrário, mercados financeiros fortes demandam regras claras, não para obstruir instituições financeiras, mas para proteger consumidores e investidores."

Leia mais sobre Barack Obama

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.