Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Obama dá recado para Câmara aprovar plano econômico hoje

Washington, 28 jan (EFE).- O presidente de EUA, Barack Obama, afirmou hoje que os trabalhadores e os empresários esperam ações ousadas e rápidas de Washington para dar novo impulso à economia, em recado direto à Câmara de Representantes, que vota hoje seu pacote de combate à crise.

EFE |

Em declarações no Salão Leste da Casa Branca, após se reunir com um grupo de empresários, Obama afirmou que as empresas que demitem para sobreviver e os trabalhadores que perdem seus empregos "têm os olhos fixos em Washington para que tome medidas, ousadas e rápidas", acrescentou.

O plano defendido pela Casa Branca que a Câmara de Representantes (Deputados) vota hoje tem um valor inicial de US$ 825 bilhões.

Cerca de US$ 275 bilhões serão destinados a cortes de impostos para as famílias e pequenas empresas e cerca de US$ 500 bilhões se investirão em infraestrutura, energia, educação e novas tecnologias.

O plano conta com o respaldo democrata, mas os republicanos se mostraram muito críticos, ao reivindicar maiores cortes de impostos e expressar suas dúvidas sobre o efeito dos investimentos na economia.

Obama, que na terça-feira se reuniu com os legisladores republicanos no Capitólio (sede do Congresso) para tentar obter o apoio deles, disse que entende o "ceticismo" de alguns e prometeu que o plano terá uma transparência "sem precedentes".

No entanto, o presidente afirmou hoje estar confiante em que o pacote seja aprovado no Congresso, por contar com a maioria democrata na Câmara de Representantes.

Os democratas contam com 255 des 435 cadeiras na Câmara, e a maioria absoluta dos votos -218- garante a aprovação do projeto de lei. EFE mv/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG