O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou nesta quarta-feira o congelamento dos salários de seus principais colaboradores na Casa Branca, num momento em que os americanos têm que apertar os cintos.

Ele também se comprometeu a promover uma "nova era de transparência" em sua administração.

cel/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.