Tamanho do texto

Washington, 30 mar (EFE).- O presidente americano, Barack Obama, disse hoje que a situação da Chrysler é mais difícil que a da General Motors (GM), e ligou o futuro da primeira à possível aliança com a italiana Fiat.

EFE jcr/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.