O oleoduto Bacu-Tbilisi-Ceyhan (BTC), danificado por um incêndio, está novamente operacional, depois de uma série de reparos que foram concluídos neste fim de semana, informou o gigante britânico do setor, BP, que explota o sistema.

O BTC - o segundo maior oleoduto do mundo (1.774 km) - foi fechado em 5 de agosto depois de uma explosão que causou um incêndio.

Ativistas do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, separatista) reividicaram o ataque.

Inaugurado em 2006, o BTC transporta o petróleo do Mar Cáspio ao terminal petroleiro turco de Ceyhan, no Mediterrâneo, para ser encaminhado para os mercados internacionais. Sua capacidade é de 1,2 milhão de barris por dia (b/d).

BA/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.