Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Número de vôos diminuirá 6,1% no último trimestre frente a 2007

Londres, 8 out (EFE) - O número de vôos no mundo todo diminuirá 6,1% nos últimos três meses do ano, comparado ao mesmo período de 2007, informou hoje a empresa Official Airline Guide (OAG), que reúne informação do setor.

EFE |

As companhias aéreas oferecerão 451 mil vôos a menos em outubro, novembro e dezembro de 2008 e 46,3 milhões de assentos a menos, ou seja, uma capacidade 5,2% menor.

Apesar dos números negativos, estes dados melhoram as previsões feitas pelo OAG em agosto, que previam uma baixa de 7% no número de vôos e de assentos para o último trimestre do ano.

No total, 219 aeroportos sofrerão a redução de rotas - em agosto, esperava-se que fossem 275 -, 43% na região da Ásia e do Pacífico, 21% na Europa e 15% nos Estados Unidos.

Apesar de a queda ser "menos dramática" que o esperado, segundo o OAG, as companhias aéreas são "extremamente vulneráveis" à crise dos mercados financeiros e reagem rapidamente aos problemas econômicos, que se traduzem em mudanças na demanda.

A pior situação para as companhias aéreas ocorrerá nos Estados Unidos, com uma redução de 21,4 milhões de assentos (46% do total) e uma diminuição de 256 mil vôos (59% dos produzidos no mercado global).

O OAG afirma que as baixas do mercado americano serão maiores que o previsto, com uma redução de 11% no número de vôos domésticos, em comparação com o mesmo período de 2007.

Os cortes também crescerão na Europa, onde o número de vôos cairá 5% e a capacidade de passageiros, 5,6%.

Na Ásia, o número de assentos diminuirá 6,5% e o de vôos, 7,1%.

A companhia explica que o continente asiático foi um centro de crescimento para as companhias aéreas durante muitos anos e que uma redução serve para lembrar que a crise econômica afeta os setores da aviação e os transportes nessa região.

As rotas transpacíficas diminuirão 3,1% e a capacidade transatlântica cairá 2,9%. EFE vmg/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG