O número de construções residenciais nos EUA caiu 11% em julho ante junho, para uma taxa anual sazonalmente ajustada de 965 mil, o menor nível desde os 921 mil registrados em março de 1991, informou o Departamento de Comércio. Economistas previam, em média, uma queda de 11,8%, para 940 mil.

Na comparação com julho de 2007, os dados apontaram queda de 29,6% do número de construções iniciadas. Em junho, houve expansão de 10,4% do indicador, para 1,066 milhão, dado revisado em alta em relação ao aumento de 9,1% divulgado antes.

O número de permissão para construções em julho, por sua vez, despencou 17,7%, para uma taxa de 937 mil. Analistas previam queda de 12,9%, para 950 mil. Em junho, o número havia aumentando 16,4%, para 1,138 milhão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.