Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Nova carteira do Ibovespa amplia fatia da Petrobras

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) divulgou hoje a terceira e última prévia da carteira teórica do índice Bovespa, que irá vigorar de janeiro a abril do ano que vem. Esta prévia não registrou alterações em relação a anterior e mantiveram-se as 66 ações da carteira vigente, sem a entrada ou exclusão de nenhum ativo.

Agência Estado |

Os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do índice foram: Petrobras PN (16,723%), Vale PNA (11,902%), BM&F Bovespa ON (4,356%) Bradesco PN (3,702%) e Itaubanco PN (3,468%).

Para efeitos de comparação, os ativos com maior peso na composição do Ibovespa para o período de setembro e dezembro deste ano foram: as ações preferenciais (PN) da Petrobras, com 15,387%, seguidas pelos papéis PN classe A (PNA) da Vale, com 12,639%. Depois, aparecem, nesta ordem: as ações ordinárias (ON) da BM&F Bovespa (3,944%), Bradesco PN (3,55%) e Vale ON (3,271%).

Para manter a representatividade dos índices, a Bovespa promove a reclassificação das carteiras dos índices ao fim de cada quadrimestre, vigorando para os períodos de janeiro a abril, maio a agosto e setembro a dezembro. Para efeito de cálculo, as três prévias consideram os pregões do último dia útil do mês anterior, o do dia 15 do mês corrente e o do dia anterior ao início da vigência da nova carteira.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG