Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Nos EUA, iPhone custa US$ 200; no Paraguai, R$ 498!

Nos EUA, iPhone custa US$ 200; no Paraguai, R$ 498! Por Filipe Serrano e Bruno Galo São Paulo, 23 (AE) - No discurso de lançamento do iPhone 3G, Steve Jobs, o presidente da Apple, afirmou que o telefone seria vendido em quase todos os países com um preço próximo ao valor do celular nos Estados Unidos. O corte no preço é parte da estratégia para popularizar o iPhone.

Agência Estado |

Mas, ao que tudo indica, não é isso que vai acontecer no Brasil.

Segundo reportagens do portal "Exame" e do jornal "O Estado de S. Paulo", o celular da Apple vai custar entre R$ 1.000 e R$ 2.000 pela Vivo. Quem assinar uma plano de ligações de R$ 200, pagará cerca de R$ 1.500 pelo aparelho. O preço mais alto, de R$ 2.000 valeria para o menor plano pós-pago, de R$ 65.

O preço do iPhone, se for confirmado, está na média do valor que se cobra no Brasil por celulares de ponta, conhecidos como smartphones. A previsão dos especialistas no mercado de celular na época do lançamento do telefone era de que o preço do iPhone no Brasil seria próximo ao de outros smartphones.

O valor de R$ 1.500 também é próximo ao que se paga por um iPhone contrabandeado no Brasil. Por causa disso, ainda será mais vantajoso financeiramente comprar o telefone no mercado paralelo caso o usuário tenha um plano pós-pago mais barato ou um pré-pago.

Até mesmo comprar nos Estados Unidos continuará mais em conta. A a versão de 8 GB sai por US$ 200 (cerca de R$ 360) e US$ 300 pelo modelo de 16 GB de memória. A AT&T exige que o comprador assine um plano pós-pago por 2 anos, mas com mais US$ 200 é possível cancelar a assinatura.

Comparado aos países vizinhos ao Brasil que também terão o iPhone, o celular será mais caro por aqui caso o preço seja por volta de R$ 1.500.

A Claro da Argentina já vende o modelo de 8 GB entre R$ 650 e R$ 981 conforme o plano escolhido. Já a versão de 16 GB sairá entre R$ 907 e R$ 1.245. No Paraguai a operadora venderá o telefone entre R$ 498 e R$ 814, no modelo com memória menor. E entre R$ 729 e R$ 1.041 no de 16 GB. O Chile é o país onde o iPhone 3G sairá mais barato, entre R$ 209 e R$ 621, no de 8GB, e de R$ 492 a R$ 799 para o de 16 GB.

Nos países onde a Telefônica venderá o iPhone, ele também será mais barato que no Brasil. Na Colômbia o celular de 8 GB custa de R$ 428 a R$ 796 e o de 16 GB, de R$ 621 a R$ 990). No Uruguai, o modelo menor vai de R$ 234,52 a R$ 661 e o maior, entre R$ 469 a R$ 895.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG