Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Nos EUA, Alabama deve plantar cana para produção de biocombustível

Houston, 14 - No estado norte-americano do Alabama, a cana-de-açúcar pode em breve tornar-se a nova lavoura comercial, sendo colhida para a produção de biocombustível para abastecer aviões da Força Aérea dos Estados Unidos. Líderes do estado e a empresa privada Amyris Biotechnologies avaliam um empreendimento de US$ 500 milhões a US$ 600 milhões que, além de cultivar cana, também refinaria o produto para produzir biocombustível para abastecer jatos militares.

Agência Estado |

Autoridades esperam que o primeiro galão possa ser vendido em 2012 ou 2013. Apesar da crise econômica, a Energy Bill dos EUA, que exige o uso de biocombustíveis, e o interesse público sobre combustíveis renováveis continuam atraindo investimentos no setor.

Toda a frota da Força Aérea norte-americana deve ter a capacidade de utilizar uma mistura de gasolina própria para aviação e combustível alternativo em uma proporção de 50% cada. Montgomery, no Alabama, abriga uma grande base da Força Aérea americana. A Amyris também pretende fornecer à Força Aérea 30% de sua demanda nacional por combustível alternativo, afirmou na semana passada John Melo, diretor-executivo da empresa.

A Amyris pretende encontrar parceiros para construir e operar uma refinaria que converta cana em combustível para avião. O financiamento deve vir de empresas parceiras, que ainda precisam ser escolhidas. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG