Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Noruega anuncia pacote de estímulo econômico de US$2,9 bilhões

OSLO (Reuters) - O governo norueguês mergulhou mais a fundo nos recursos provenientes do petróleo nesta segunda-feira e apresentou um pacote de estímulo fiscal no valor de 20 bilhões de coroas norueguesas (2,87 bilhões de dólares), para evitar que o desemprego aumente em meio à crise econômica. O plano é menor que o valor de até 30 bilhões de coroas esperado por economistas.

Reuters |

O pacote consiste em 16,75 bilhões de coroas em gastos extras do orçamento e 3,25 bilhões de coroas em alívio tributário, mostraram os documentos do orçamento.

A Noruega, país exportador de gás e petróleo, registra grandes superávits orçamentários quando o dinheiro proveniente do petróleo é incluído, mas tem déficit sem o capital decorrente da commodity.

O governo informou que o déficit estrutural sem o petróleo, para o ano de 2009, aumentará para 119 bilhões de coroas norueguesas, ante valor estimado de 92 bilhões de coroas no esboço divulgado em outubro.

Esse dado subiu em 27 bilhões de coroas ao invés de 20 bilhões de coroas, devido a mudanças em receitas estimadas e custos.

A economia de 308 bilhões de dólares da Noruega --baseada no petróleo-- teve desempenho melhor que muitas outras em meio à crise, mas a atividade está caindo e o desemprego está aumentando no país.

O governo prevê que a economia entrará em recessão em 2009, se contraindo 0,5 por cento ante crescimento de 2,3 por cento em outubro. A estimativa divulgada em outubro para o crescimento da economia norueguesa em 2008 é de 2 por cento.

A expectativa é de que o desemprego suba para 3,5 por cento em 2009, ante 2,5 por cento em 2008. A previsão anterior era de 2,75 por cento, divulgada em outubro, quando o orçamento de 2009 foi proposto.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG