Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

No domingo, conselho do FMI deve ratificar pacote

O Conselho Executivo do Fundo Monetário Internacional (FMI) se reunirá no domingo para decidir se aprova o plano de ajuda à Grécia, que prevê empréstimos no valor de 30 bilhões durante três anos. O Conselho Executivo é composto por 24 diretores que representam os 186 países-membros da entidade e é o órgão que decide sobre os programas de empréstimo.

AE |

O Conselho Executivo do Fundo Monetário Internacional (FMI) se reunirá no domingo para decidir se aprova o plano de ajuda à Grécia, que prevê empréstimos no valor de 30 bilhões durante três anos. O Conselho Executivo é composto por 24 diretores que representam os 186 países-membros da entidade e é o órgão que decide sobre os programas de empréstimo. Segunda-feira, Coreia do Sul, Canadá, Estados Unidos, Reino Unido e França deram apoio ao plano do FMI. Os países da zona do euro também apoiarão o programa, já que negociaram com o FMI o plano de ajuda à Grécia. Do pacote de 110 bilhões, 80 bilhões virão desse bloco. Os 30 bilhões que o FMI porá sobre a mesa, caso o Conselho Executivo dê o sinal verde, equivalem a 3,2% da cota da Grécia no organismo, um número que excede muito o limite normal previsto em suas normas, por isso a necessidade de invocar circunstâncias excepcionais. Trata-se do maior ajuda a um país em relação a seu Produto Interno Bruto (PIB) que o Fundo vai fornecer em sua história.Em troca, a Grécia apresentou e se comprometeu a reduzir os gastos públicos e aumentar os impostos com medidas que resultem n um valor equivalente a 11% do PIB, além das iniciativas anunciadas previamente pelo governo do primeiro-ministro, Georges Papandreou.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG