SÃO PAULO - O índice de confiança do brasileiro fechou o mês de agosto em 139 pontos, com aumento de apenas 1 ponto em relação aos 138 pontos verificados em julho. Na comparação com agosto do ano passado, entretanto, continua havendo avanço. Naquele mês, o nível de confiança estava em 126 pontos. Os dados constam do Índice Nacional de Confiança, da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e da Ipsos, feito com base em mil entrevistas em 70 cidades de nove regiões metropolitanas brasileiras.

Para a associação, é a confiança no emprego que vem garantindo o alto patamar do indicador nos últimos quatro meses. Em relação ao planejamento para as compras, aumentou de 45% em julho para 48% no mês passado o percentual de consumidores que pretendem comprar eletrodomésticos.

O levantamento mostra que 44% dos entrevistados estão confiantes para fazer investimentos, contra 26% pessimistas neste quesito. Quando questionados sobre o mercado de trabalho, 68% dos brasileiros confiam na manutenção do próprio emprego.

O maior otimismo foi registrado no Sudeste, onde a pesquisa alcançou 150 pontos, e a menor taxa de confiança ocorreu no Sul, onde o índice fechou agosto com 107 pontos.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.