Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Nissan corta produção no Japão e demite temporários

SÃO PAULO - A japonesa Nissan Motor anunciou nesta quinta-feira que reduzirá a produção doméstica em 64 mil veículos no Japão. O corte ocorrerá em fevereiro e março deste ano e fará com que a produção da empresa totalize 1,1 milhão de automóveis no Japão, para o ano fiscal terminado em março.

Valor Online |

Isto significa que haverá uma redução de 21% com relação ao plano produtivo original, feito em maio do ano passado pela companhia.

A Nissan afirmou também que deve cortar 500 empregos temporários entre janeiro e março deste ano, e disse que pode revisar a previsão dos lucros para o ano fiscal. "Se necessário, vamos revisar a projeção de ganhos no dia 10 de fevereiro", quando serão divulgados os resultados do terceiro trimestre fiscal, afirmou um porta-voz da empresa.

Em outubro, a automobilística havia previsto um lucro operacional de US$ 3 bilhões para o ano terminado em 31 de março.

As medidas de redução de custos da Nissan são uma forma de enfrentar um dos períodos mais complicados para a empresa. As vendas da companhia caíram 31% nos EUA no mês passado e 20% no Japão.

(Vanessa Dezem | Valor Online com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG