Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Net prevê que margem Ebitda se manterá em cerca de 26% em 2009

A Net, operadora de TV por assinatura e banda larga, divulga suas perspectivas para 2009, prevendo que a margem Ebitda e o nível de investimentos (Capex) permanecerão na mesma faixa de 2008. Também o comunicado, assinado pelo Diretor de Relações com Investidores da companhia, João Adalberto Elek Jr.

Agência Estado |

, aponta que o quarto trimestre deste ano deverá apresentar crescimento superior ao do mesmo período de 2007. "Há poucos dias do fechamento do último trimestre do ano, o crescimento da Net tem se mantido superior ao registrado no mesmo período de 2007", diz, na nota.

De acordo com o comunicado, "2008 vem sendo o melhor ano da história da NET". Para 2009, a empresa "não arrefecerá a estratégia de crescimento sustentável e acelerado. Vai continuar aguçando a demanda para novos produtos".

"O modelo de negócios da Net já considera que o crescimento acelerado gera mais despesas com vendas, o que comprime a margem Ebitda", explica o comunicado. A previsão é que em 2009 a margem Ebitda se manterá no mesmo patamar de 2008, em torno de 26%.

Para sustentar o ritmo de crescimento planejado, serão investidos em torno de R$ 1 bilhão, mesma cifra de 2008 para o capex (capital expenditure), principalmente na compra de equipamentos. Embora o valor seja semelhante ao deste ano, a nota destaca que o capex apresentará uma queda em relação à receita líquida.

O foco para ampliar a base de assinantes no próximo ano será o combo, ou seja, oferta conjugada de banda larga, TV por assinatura e telefonia fixa. Também estão nos planos continuar explorando infra-estrutura de acesso rápido à internet, como no caso do NET Vírtua 5G, lançado em caráter experimental, nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, com 60 Mega.

Entre os principais desafios elencados pela Net para o próximo ano estão: a desaceleração econômica no Brasil, a competição cada vez mais acirrada e a regulamentação mais rigorosa para serviços de atendimento.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG