Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Net espera que receita por assinante em 2009 seja próxima à de 2008

O diretor-financeiro e de Relações com Investidores da Net Serviços, João Elek, acredita que a receita média por assinante (ARPU, na sigla em inglês) em 2009 deve ficar ao redor do que foi registrado em 2008, quando fechou a R$ 136,24. Ele não descarta, contudo, queda do indicador caso se intensifiquem as vendas do Net Fone.

Agência Estado |

com, produto que tem mais apelo entre o público de menor poder aquisitivo.

"Se a gente conseguir trazer muitos assinantes ao Net Fone.com, naturalmente o ARPU tende a cair, embora seja difícil precisar a velocidade. Mas, por enquanto, achamos que o ARPU vai ficar próximo de onde está", afirmou o executivo durante teleconferência com analistas, reforçando que migrações para pacotes de TV por assinatura mais completos e velocidades mais altas na banda larga podem equilibrar o ARPU.

No quarto trimestre de 2008, a receita média por domicílio cresceu apenas 4% ante igual intervalo de 2007, para R$ 136,24. No trimestre imediatamente anterior, o ARPU tinha sido de R$ R$ 135,63.

No balanço divulgado hoje, a Net explicou que a desaceleração do crescimento do ARPU resultou da estratégia da companhia de buscar oportunidades de crescimento em um novo segmento de mercado. "Até o momento, a redução (do avanço) do ARPU não está relacionada ao aumento de migrações para pacotes mais básicos ou reduções de preço dos pacotes ofertados", informou a Net em suas demonstrações financeiras.

O produto que a Net desenhou em fevereiro do ano passado para o público menos abastado, o Net Fone.com, fechou 2008 com 166 mil assinantes. Trata-se de um serviço que reúne conexão à internet de 100 Kbps, TV aberta pelo cabo e telefonia ao preço de R$ 39,90 mensais.

O Net Fone.com tem se mostrado uma eficaz porta de entrada entre os clientes com menor poder aquisitivo. Entre 190 mil e 200 mil clientes que entraram para a operadora com o Net Fone.com acabaram por contratar planos de banda larga ou algum pacote de TV por assinatura, disse Elek. Com a migração, eles saíram da classificação Net Fone.com e passaram a integrar a base de clientes de outros serviços, disse Elek.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG