Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Negros e pardos respondem por 74% da fatia dos 10% mais pobres do país

RIO - Os negros e pardos representavam no ano passado 74% do total dos 10% mais pobres da população brasileira, enquanto respondiam por apenas 12% entre os 10% mais ricos do país. Os dados constam da Síntese de Indicadores Sociais, divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Valor Online |

Entre os brancos, a participação entre os 10% mais pobres é de 25%, enquanto entre os 10% mais ricos esse grupo representa 86% do total.

"Estes valores mostram que as desigualdades raciais na apropriação da renda do país têm se mantido ou até piorado um pouco, se comparadas com as dos anos anteriores", diz o IBGE.

As desigualdades também podem ser observadas quando se analisa a participação do total de pessoas em cada décimo de rendimentos percebidos. Entre os 10% da população com os maiores rendimentos, concentram-se 15,8% do total de brancos existentes no país e apenas 4,1% do total de negros e pardos.

Já nos 10% com os menores rendimentos estão 14,6% do total de negros e pardos residentes no Brasil e apenas 5,4% do total de brancos.

(Rafael Rosas | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG