Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Negócios com petróleo refletem dados econômicos dos EUA e China

SÃO PAULO - A paridade do dólar frente a outras moedas e dados econômicos dos Estados Unidos e China guiavam em parte os negócios com o petróleo nesta sessão. Os agentes voltam a analisar o relatório de energia americano, apresentado ontem.

Valor Online |

SÃO PAULO - A paridade do dólar frente a outras moedas e dados econômicos dos Estados Unidos e China guiavam em parte os negócios com o petróleo nesta sessão. Os agentes voltam a analisar o relatório de energia americano, apresentado ontem. O governo americano anunciou uma alta expressiva na procura por auxílio contra o desemprego na semana passada e um pequeno aumento na produção industrial doméstica. Da China, os agentes receberam a notícia que o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 11,9% no primeiro trimestre, acima das expectativas de muitos analistas. Minutos atrás, em Nova York, o WTI com entrega em maio, exceção, perdia US$ 0,09, saindo a US$ 85,75. O vencimento de junho subia US$ 0,08, para US$ 86,81. Em Londres, o Brent para maio registrava alta de US$ 1,13, cotado a US$ 87,29. O contrato de junho marcava US$ 87,45, acréscimo de US$ 0,55. (Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG