Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

MPF denuncia 17 em fraude de R$ 1,8 mi no INSS do RJ

O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro denunciou 17 pessoas que fraudavam a Previdência Social, obtendo auxílio-doença em diversas agências do Instituto Nacional do Seguro Nacional (INSS) no Rio de Janeiro. O prejuízo causado aos cofres públicos supera R$ 1,8 milhão.

Agência Estado |

Seis dos denunciados, que integravam um escritório de despachantes que se especializou em fraudar benefícios previdenciários, tiveram a prisão preventiva decretada. Segundo o MPF, os outros 11 réus eram cooptados por esse grupo, se faziam passar por portadores de doenças mentais para conseguirem o benefício junto ao INSS. Os despachantes, que atuavam há pelo menos três anos, com escritório em Bangu, irão responder pelos crimes de formação de quadrilha e estelionato qualificado, podendo ser condenados a penas que somadas chegam a dez anos de prisão. Nas buscas, realizadas hoje pela Polícia Federal, foram apreendidos blocos receituários médicos em branco que seriam utilizados em fraudes.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG