O humor do mercado em relação à mineradora MMX, de Eike Batista, mudou ontem com a notícia de que as ações das empresas originadas na cisão da companhia, a LLX e a Iron X, poderão ser negociadas em bolsa a partir da segunda-feira. Analistas também creditam a alta dos papéis à forma como a MMX tem reagido às acusações de irregularidades em licitação investigada pela Polícia Federal.

As ações subiram ontem 9,66%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.