Tamanho do texto

SÃO PAULO - A Mitsubishi planeja realizar o primeiro vôo de teste de seu jato regional de passageiros, o MRJ, em 2011. Neste ano, a empresa também planeja finalizar o procedimento de certificação da nova aeronave, sua primeira para o mercado regional.

O MRJ virá em duas versões: MRJ70, com capacidade para 70 passageiros, e MRJ90, para 90 ocupantes. O programa foi lançado oficialmente em março, quando foi anunciado também o primeiro comprador: a companhia japonesa All Nippon Airlines (ANA), que adquiriu 15 unidades da versão maior, além de opções para outras 10. As entregas desses aparelhos estão marcadas para ocorrer a partir de 2013. A versão menor começaria a ser entregue no ano seguinte.

O jato da Mitsubishi irá competir diretamente com os produtos da brasileira Embraer, hoje terceira maior fabricante de aviões do mundo, que concentra sua linha de produtos no segmento de aviação regional. A competição nesse mercado deve se acirrar nos próximos anos, com a entrada de novos fabricantes de jatos regionais como a AVIC I, da China, a Sukhoi, da Rússia, e a própria Mitsubishi.

Embora não haja ainda um preço definido, a expectativa do mercado é que o MRJ90 tenha preço de tabela de cerca de US$ 38 milhões. Não há expectativa quanto ao valor de venda da versão menor. Segundo a Mitsubishi, ambos aviões terão filas de apenas dois assentos de cada lado da cabine e serão equipados com motores PW1000G, da Pratt & Whitney.

As informações foram dadas durante o Airshow de Farnborough (Inglaterra), maior feira aérea do mundo, iniciada na última segunda-feira.

(José Sergio Osse | Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.