La Paz, 5 abr (EFE).- O assessor da presidência, Marco Aurélio Garcia, fará parte de uma missão que chega amanhã a Bolívia para discutir com autoridades locais a exportação e industrialização de gás e outros produtos.

La Paz, 5 abr (EFE).- O assessor da presidência, Marco Aurélio Garcia, fará parte de uma missão que chega amanhã a Bolívia para discutir com autoridades locais a exportação e industrialização de gás e outros produtos. As informações são do embaixador brasileiro em La Paz, Frederico Cezar de Araújo, que disse que o Brasil tenta ajudar a Bolívia a industrializar o gás natural com um pólo de gás químico na localidade fronteiriça de Puerto Suárez. Garcia deve se reunir com o vice-presidente do país, Álvaro García Linera, enquanto os empresários que participam da missão devem se encontrar com Linera e com vários ministros do governo. O projeto para industrializar o gás para fabricar plástico poliuretano, entre outros produtos, requer um investimento em torno de US$ 2 bilhões. Também serão analisadas as exportações de gás boliviano após 2019, quando vence um contrato de compra e venda vigente desde 1999 entre a Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos e a Petrobras. Além disso, uma das empresas que visitará o país buscará uma associação para explorar o potássio das salmouras do salar de Uyuni com um investimento de US$ 1 milhão, enquanto outras explorarão negócios na produção de têxteis. EFE ja/pb
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.