Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Minupar e Arantes Alimentos desistem de fusão

SÃO PAULO - A fusão entre a Arantes Alimentos e a Minupar não deve mais acontecer. De acordo com Fator Relevante, foi a atual conjuntura econômica mundial que levou as empresas a encerram as negociações.

Valor Online |

Mas cabe lembrar que a Arantes Alimentos entrou com pedido de recuperação judicial na última sexta-feira, fato não mencionado no comunicado divulgado pelas empresas que estavam negociando a união de seu negócios desde o final de outubro do ano passado.

Pagando o preço da agressiva estratégia de expansão, a Arantes não conseguiu mais rolar um endividamento de aproximadamente R$ 1,5 bilhão. Em entrevista ao jornal Valor, o advogado Geraldo Gouveia, que representa o Grupo Arantes, afirmou que as justificativas para o pedido de recuperação foram a desvalorização cambial, operações com derivativos, restrição de crédito por causa da crise financeira internacional e queda de pedidos de produtos. O advogando ainda informou que as perdas com derivativos do Arantes são estimadas entre R$ 200 milhões e R$ 250 milhões.

No Fato Relevante enviado hoje à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), as empresas destacam que o encerramento das conversas não afetam o relacionamento entre ambas e que estas negociações poderão ser retomadas.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG