Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ministra garante que impacto do caso Madoff sobre franceses é limitado

Paris, 18 dez (EFE).- A ministra da Economia francesa, Christine Lagarde, enviou hoje uma mensagem de tranqüilidade aos franceses, ao garantir que os efeitos do caso Madoff sobre os cidadãos comuns são limitados.

EFE |

Segundo Lagarde, a advertência lançada pela Autoridade dos Mercados Financeiros (AMF) da França, na qual alertava que os poupadores franceses poderiam perder "várias centenas de milhões" de euros por causa desta fraude bilionária, não afeta o "grande público".

De acordo com a ministra, os fundos coletivos que poderiam ser afetados pela fraude protagonizada pelo investidor americano Bernard Madoff são fundos coletivos especializados, que não são destinados ao grande público.

Só "uma pequena parte" dos ativos administrados na França estariam afetados ou seriam suscetíveis de ser afetados pelo caso, acrescentou Lagarde.

Portanto, a ministra qualificou de "limitados" os danos que os poupadores franceses podem sofrer.

As declarações da ministra ocorrem por causa do alarme gerado pela advertência da AMF, segundo a qual há "um número significativo" de fundos coletivos de direito franceses administrados por entidades que são "suscetíveis" de serem afetados "em diversas proporções" pela fraude.

A entidade não precisou, no entanto, que tipo de poupadores poderia ser afetado.

O secretário-geral da AMF detalhou depois, em declarações à "France Info", que a fraude poderia custar pouco mais de 500 milhões de euros aos poupadores franceses. EFE pi/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG