Tamanho do texto

São Paulo, 15 - A notícia de que a Rússia teria suspendido temporariamente as importações de carnes de oito países, incluindo o Brasil, não foi confirmada pelo Ministério da Agricultura. Fontes do ministério dizem que, até o momento, são apenas suspeitas e que nenhum comunicado oficial dos russos foi enviado ao Brasil.

A proibição teria sido em decorrência da identificação de substâncias proibidas em carregamentos de carnes e a restrição valeria para algumas empresas da Dinamarca, França, Alemanha, Itália e Espanha, Brasil, Austrália e Argentina.

Segundo Luiz Carlos de Oliveira, diretor-executivo da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), ainda não existe nenhuma confirmação da restrição para o Brasil no Ministério da Agricultura, nem no Itamaraty. A entidade está tentando uma confirmação via a embaixada brasileira na Rússia. Atualmente, os russos são os maiores importadores individuais de carnes do Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.