Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ministério confirma suspensão de carne para os EUA

Depois de informações extra-oficiais, o Ministério da Agricultura confirmou que está suspensa a emissão de certificados que permitem a exportação de carne bovina para os Estados Unidos. A decisão foi comunicada à assessoria de imprensa do ministério pelo secretário de Defesa Agropecuária, Inácio Kroetz, que está reunido em Washington com técnicos americanos.

Agência Estado |


Nesta manhã, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) veiculou a informação de que o Brasil iria suspender as exportações de carne industrializada para os Estados Unidos. Nesta noite, a assessoria do ministério informou que, de fato, o Brasil não exporta mais para o mercado americano, até que uma nova inspeção de técnicos daquele país seja feita nas indústrias brasileiras.

Nas reuniões, os técnicos apresentaram ao secretário os detalhes de um relatório produzido a partir de inspeções feitas até a última terça-feira em frigoríficos habilitados a exportar para o mercado americano. Kroetz disse que as inspeções indicaram "não-conformidades" no processo de produção das empresas frigoríficas.

A expectativa é que o Brasil volte a exportar carne bovina industrializada, única que pode ser vendida pelo país ao mercado norte-americano, num prazo máximo de três semanas. Nesse período, várias medidas serão colocadas em prática pelo governo brasileiro. A primeira será uma nova inspeção nos frigoríficos, trabalho que será feito pelos técnicos do Ministério da Agricultura.

A segunda medida é o treinamento dos técnicos que trabalham nessas empresas de acordo com as exigências do mercado americano. A terceira é uma nova vistoria dos técnicos brasileiros. A quarta etapa é uma nova visita de técnicos americanos.

Leia tudo sobre: exportação

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG