Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Miguel Jorge questiona métodos argentinos de controle de preços

Buenos Aires, 14 mar (EFE).- O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, questionou o método usado pelo polêmico secretário de Comércio Interior da Argentina, Guillermo Moreno, para controlar preços.

EFE |

Miguel Jorge se referia assim, em entrevista publicada hoje pelo jornal "Clarín", à pressão sobre empresas, atribuída a Moreno, para baixar os preços. O método motivou a rejeição de altos executivos e tornou o secretário o funcionário mais polêmico do Gabinete da presidente Cristina Kirchner.

"Como os argentinos fazem para se entender com o senhor Moreno? (...) Pelo menos com a gente não colocaram um revólver em cima da escrivaninha", afirmou o ministro.

A imprensa local afirma até que alguns empresários chegaram a admitir que Moreno fez uma visita armado para pressioná-los.

"No Brasil, nós não temos controle de preços para o setor industrial. Sabemos que não funciona (...). Se um empresário tem um preço determinado por um Governo, é evidente que não terá empenho em obter maior produtividade", avaliou o ministro.

Miguel Jorge disse que, no ano passado, em meio à crise global, a Argentina praticamente bloqueou as exportações brasileiras, mas que, mesmo assim, o Brasil optou por escorar a maior produtividade empresarial sem impor barreiras ao comércio.

Nesse assunto, o ministro pediu à Argentina que suspenda definitivamente as licenças não automáticas sobre mais de 400 produtos brasileiros, depois das tensões no comércio bilateral que a medida gerou.

Segundo Miguel Jorge, a "Argentina não aproveita bem o enorme mercado brasileiro que está aberto".

De todas as formas, o ministro considerou que houve progressos na relação bilateral durante o último ano, especialmente com o cumprimento dos compromissos assumidos em novembro passado para reduzir as diferenças comerciais. EFE ms/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG